segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

Como se portar na apresentação

Olá pessoal

Na última postagem falei sobre a apresentação...hoje quero falar sobre a postura do aluno durante a apresentação...

Sim, isso mesmo... o aluno deve ter uma postura correta durante a apresentação...deve ser firme e seguro de seus conhecimentos, mostrando à banca que ele acredita realmente no que fala.

A postura curvada, olhos voltados para o chão, ou para o nada, demonstra insegurança e isso pode afetar o julgamento do seu trabalho, visto que os professores podem acreditar que você não sabe realmente o que fala.


A dica que eu dei de tomar muita água antes da apresentação deve ser cuidadosa, porque tomar água demais antes da apresentação pode dar vontade de ir ao banheiro, portanto, maneire na água antes mas leve o copo como foi explicado.

O relaxamento e alongamento é importante antes da apresentação, como também durante toda a vida. Pessoas que tem dificuldades em se expressar em público devem sempre fazer alongamento durante sua vida porque se fizer apenas na hora que necessita pode não dar o efeito esperado. Claro que ajuda sim mas o ideal é que seja feito sempre.

Alongue seus músculos do corpo todo, mas, principalmente, do pescoço e da face, fazendo movimentos de estirar e soltar devagar os músculos... a língua é um músculo também e ela deve ser relaxada para a voz sair melhor...faça o movimento com a língua de roda gigante, vá rodando a lingua nos lábios devagar, depois tire a língua para fora e tente coloca-la na ponta do nariz... esse movimento relaxa a musculatura da língua e da faringe, o que facilita demais na hora de falar.

Fale de forma pausada e calma, pronunciando bem as palavras. Isso vai facilitar para que as pessoas entendam tudo o que fala e você a não ter erros de português.

Espero que estas dicas tenham ajudado!

Entre no site www.monografiaurgente.com e veja outras formas de auxilio mais efetivo.

Um grande abraço!

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

Apresentação

Olá pessoal

Hoje quero falar sobre a importância da apresentação do seu trabalho acadêmico.

Muitas pessoas tem muita insegurança desta parte, ou seja, depois de tudo pronto, tem que apresentar o trabalho para a banca, falar sobre o conteúdo estudado, convencer a banca de que você realmente sabe e conhece o assunto e que é muito importante esta pesquisa para a sociedade e para a área acadêmica.

Realmente, é um momento tenso, visto que a banca se constitui, geralmente, de 3 ou 4 pessoas que estão lá para "julgar" você, e isso não é fácil. Além disso, muitas pessoas tem um "travo", ou seja, tem insegurança sobre sua capacidade de falar bem em público.

Existem diversas formas para abrandar isso...

1 - Você deve "conhecer bem" sobre o assunto, ler muito o seu trabalho, conhecer os autores e outras obras deles (se tiver), e, principalmente, ler muito a introdução e conclusão, que são os pontos principais do seu trabalho;

2 - Você pode utilizar de slides feitos no Power Point ou outro programa compatível, para um auxílio extra, que mostrará os pontos principais a serem apresentados. Esse artifício auxilia pois deixa a apresentação mais agradável aos olhos dos professores e também para você, que terá um "norte" a seguir;

3 - Nos dias anteriores à apresentação, apresente seu trabalho para uma "banca fictícia", ou seja, convide pessoas da sua família, amigos, etc., para montar uma banca e você apresenta para eles em local grande, como se fosse uma sala de aula; se possível, filme esta apresentação e assista depois, e vá vendo seus erros e melhorando-os; peça para a "banca" fazer perguntas principalmente relacionada à introdução do seu trabalho, isso ajuda;

4 - Acredite em você! Relaxe antes da apresentação, respire fundo... tome bastante água e se possível leve um copo de água na mesa onde você ficará (ou perto de você), para que num momento de tensão você pare e tome um gole de água forçando o gole, engolindo de forma bem forte... isso faz a voz voltar e ficar mais agradável.

Enfim, não tenha receio e confie em você!

Um abraço e boa Sorte!

Maiores informações entre no site www.monografiaurgente.com e veja outras formas de auxílio.

Até o próximo post!

terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

Escrever bem

olá pessoal

A escrita é muito importante, principalmente para a área acadêmica e profissional, pois usamos a escrita em praticamente todos os momentos.
Muitas pessoas não sabem escrever corretamente nem um e-mail para seu cliente, tendo erros primários e que podem vir a prejudicar enormemente a imagem da empresa.
No caso da área acadêmica, um texto mal escrito pode prejudicar o sentido do texto assim como diminuir a qualidade do contexto e do trabalho acadêmico, pois uma pessoa que tem erros de português é vista como uma pessoa despreparada, não culta e que não está à altura de um trabalho de final de curso.


Hoje, com a utilização de praticamente 100% dos computadores no trabalho e em casa, as pessoas se acostumaram a ter uma escrita digital, e, no caso de sites de relacionamento, as escritas são codificadas e abreviadas, tendo uma forma própria de escrever. Isso afeta enormemente a escrita culta, principalmente as crianças e jovens, que já crescem acostumados a digitar e não escrever.


Para escrever bem, sem erros, é preciso ler. Sim, a leitura de livros faz com que a mente se acostume com a construção de frases de forma correta, com o uso da vírgula de forma correta e com a grafia correta das palavras. Por isso, ler livros constantemente é uma grande forma de aprender a escrever bem, a raciocinar bem e a ter um ótimo vocabulário. Leia mais!


Outra forma de entregar um trabalho de final de curso com menos erros é revisar a ortografia e gramática. Isso pode ser feito por você mesmo, ou seja, leia e releia seu texto. Vá corrigindo o que achar que está errado. Não entregue seu trabalho sem uma verificação minuciosa dos erros de português, para que ele tenha o valor necessário de um trabalho acadêmico.
No word existe uma ferramenta que corrige os erros do texto chamada de revisão de ortografia. Entretanto, essa revisão não é completamente correta, devendo ainda ser revisada por você mesmo, na leitura.
Se tiver dificuldades, procure um profissional que possa revisar para você!


Uma coisa muito importante a se fazer é procurar sempre que possível escrever de forma manual. Existem estudos que constataram que quem quer se lembrar de algo anota à mão, ou seja, escrever de forma manual auxilia a memorização. Faça o teste!
Se sua letra é feia e você não gosta de escrever por este motivo, faça um curso de caligrafia. Para os advogados, professores, médicos e outras profissões que usam a escrita manual, é importante ter uma letra legível. Não tenha receio de ser antiquado, faça um curso e tenha uma boa letra para seu aprimoramento profissional!

Espero ter ajudado com este post! Maiores informações de como podemos auxilia-lo de forma mais efetiva, entre no site www.monografiaurgente.com e nos contate!

Grande Abraço!!

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

Pré-projeto - Parte 7

Olá pessoal

Após o feriado do carnaval, volto a postar para poder terminar o assunto Pré-projeto.

Agora precisamos falar da metodologia, que é muito complexa visto que existem inúmeros métodos de pesquisa e devemos analisar qual é o melhor método para a pesquisa que vamos fazer.

A primeira coisa que devemos pensar é: vou fazer pesquisa de campo ou apenas teórica? Esta é a primeira escolha para poder verificar o método a ser escolhido.

Se a escolha for para a pesquisa de campo, deve-se escolher o método. Para escolher o método, é preciso verificar: onde será feita? numa empresa? num setor específico da empresa? o que exatamente preciso descobrir? como poderei descobrir tal coisa? é melhor aplicar questionários para as amostras escolhidas? quem serão estas amostras e porque suas respostas podem ser importantes para minha pesquisa? É melhor que o questionário seja com perguntas fechadas (apenas colocando x nas opções) ou abertas (onde os pesquisados possam exprimir suas opiniões à vontade)? O questionário será impresso e deixado com os pesquisados durante algum tempo, ou será feita uma entrevista?



Se a escolha for para a pesquisa bibliográfica ou documental, é preciso analisar: vou utilizar somente artigos científicos de sites acadêmicos? ou também livros, revistas especializadas? E os sites de Internet, podem ser utilizados como consulta para a pesquisa? Qual o período de edição escolhidos? de 2000 a 2013? de 2003 a 2013? de 2007 a 2013? Existe material publicado suficiente para o estudo? Apenas com pesquisa bibliográfica é suficiente para alcançar o objetivo proposto e responder a pergunta problema? Ou é necessário fazer uma pesquisa documental, dentro da empresa ou escola (ou o local a ser pesquisado se for preciso) para que se alcance este objetivo? Existe a possibilidade da empresa aceitar uma pesquisa em seus documentos ou os dados estão abertos no site da empresa?

Após a escolha do método, é preciso verificar como será a análise. Será quantitativa ou qualitativa. Isto quer dizer que a quantitativa será usada se a pesquisa for de campo, porque pode ser feita uma contagem percentual das respostas. Já a pesquisa qualitativa é mais usual para a pesquisa bibliográfica.


Existem inúmeras pesquisas e cada uma tem uma função; deve-se estudar cada uma delas para verificar qual melhor se adapta a sua opção de estudo. Pesquisas exploratórias, descritivas, geralmente são usadas para pesquisa bibliográfica. Mas existem muitas outras que são mais indicadas para diversos tipos de pesquisa de campo, por exemplo.

Não posso me aprofundar demasiadamente neste post sobre metodologia, porque é muito extenso este assunto, e a melhor pessoa para ensinar metodologia é a própria professora desta matéria. Qualquer dúvida entre em contato com sua professora, tire informações sobre qual o melhor método para seu caso.

Espero ter ajudado de alguma forma. Maiores informações de como podemos auxilia-lo, entre no site www.monografiaurgente.com e veja que temos muitas formas de um auxilio mais efetivo.

Um grande abraço e até o próximo post!